12 de maio de 2009

Aconteceu comigo


Admito. Levei um bolo.
Era um daqueles desastres que eu acreditava ser imune.
Mas, como ficou provado no último sábado, não sou. Como também não sou imune a traições, mentiras, sexo sem telefonema no dia seguinte... a lista é infinita.
Falando assim, parece que sou imune apenas a caras legais, cinema a dois, dvd com pipoca em dias chuvosos, sexo com intimidade, a alguém que valha a pena.
De repente, sinto-me a heroína desses filmes românticos bobocas que é toda atrapalhada quando se trata de amor, porque privilegiou a carreira ou porque se esconde atrás de óculos fundo de garrafa. Ou ainda, por ter sofrido nas mãos dos exs calhordas.
Mas, peraí! Essa não sou eu. Sou apenas uma garota que levou um bolo de um cara e que sabe que não é imune a nada, nem às coisas boas.

By Renata que pelo menos, não gastou a depilação à toa.

3 comentários:

Nando disse...

foda...

palavras ao vento disse...

e normal...pode acontecer com qualquer pessoa....mas o mundo da voltas...hj pode ser vc..amanha ele...

Thiago da Hora Souza disse...

Lendo isso comecei a me sentir como as heroínas dos filmes românticos... HAHAHAHA