28 de julho de 2009

PERHAPS LOVE


Me perguntaram quais eram as minhas prioridades e eu não soube bem o que responder. Quero tanta coisa, mas não preciso de nenhuma delas. Tenho medo de querer tanto algo, que acabe virando necessidade. E não quero me prender a nada. Recuso necessidades. Gosto de um querer despreocupado.
Mas, um objetivo está me fazendo falta. Um sonho. Um gol.


By Renata que ainda não desfilou com sua nova tattoo por aí(vergonha).

11 comentários:

Giullianne Vicente disse...

Muito lindo seu blog, simples e sincero...amei!

santi.dx disse...

muito bão, seu blog esta legal tbm

http://rangervermelho.blogspot.com/

Léo disse...

muito bom seu blog..
bem organizado e bom conteudo, isso ai!

www.videoaulas2009.blogspot.com

Thais Cunha disse...

Adorei o seu blog, os textos são excelentes também (:
caso você não se incomode, seu blog estará add a lista do meu ^^

Renata disse...

Thais, obrigada pela gentileza. Tento não responder aos comentários para ficar isenta e deixar que cada um tenha a sua própria interpretação.
Beijo!

Wellington disse...

Que fofinha sua postagem! =) Eu tenho muitos desejos! XP Quero tanto trabalhar com oriente e entrar na univer que vc nem faz ideia! hihihih

Adorei sua postagem e seu template!!! Abraços!

Visite meu blog! =)

http://neowellblog.wordpress.com/

Wellington disse...

Olha eu aqui de novo! =) Quero dizer que meu blog já aumentou a postagem de hoje duas vezes hehehe! Eu faço isso pq não paro de estudar. =P
Eu li sua penultima postagem já que a atual eu já li e comentei! Achei linda sua postagem!
Que coisa né? Você preocupada com o cara, decifrando o comportamento de relacionamento dele, se preocupa em arrumar-se para o importante almoço! E ele cancela! Porém é como se ele por te amar demais repetisse o ato de afastar-se! Nossa isso pode até virar debate! =) Parabénssss! Amei seu post!

Blog muito bacana!!! =)

Visite o meu se desejar! =D

http://neowellblog.wordpress.com/

Wellington disse...

Li suas três últimas postagens! A última é Amar se aprende amando! Sua promessa de castidade não durou nada? Pior eu que vivo na vida agreste de amor! Tô obrigado a viver num platonismo contra a minha vontade! hihihi! Mas, vc tem razão, sobre os relacionamentos na web terem contribuido para os compromissos de hoje serem mais superficiais! É um agrado e a mina já solta um eu te amo! hehehe

Tô ficando fã do seu blog! =)

http://neowellblog.wordpress.com/

Mansur disse...

Gostei mto do blog, e sobre o post de agora - com as palvaras certas e um texto resumido deu pra pegar todo o conteudo. Gostei mto!!

http://baldepipoca.blogspot.com/

Simone mãe da Sofia disse...

Ei Rêeeee!!! Nem sabia que vc tinha blog menina. Ontem que descobri. haha. Li alguns posts e quero te parabenizar. São intimistas e bem verdadeiros. Nos faz pensar. Bjs meus, do dinho e da Soft.

Bê Sant Anna disse...

Desejo, necessidade, vontade - como dizem os Titãns... questão importante mesmo... os zen budistas acho que concordariam com sua opção, de não transformar desejo em necessidade... é de todo modo, exercício de desapego. É meio ruim ser humano, né?
Bê ijo